Dia do Contador de Histórias

O DESPERTAR DA CRIATIVIDADE A PARTIR DE UM CONTO DE HISTÓRIAS

Criar um conto é algo mágico, é entrar no mundo do faz de conta da criança e descobrir um universo encantado, rico em cores, diversidades e diversão, despertando sentimentos de alegria, leveza, curiosidade e criatividade.

O potencial criativo tem um significado singular essencial ao desenvolvimento da criança, pois a sua capacidade criativa lhe permite abrir-se para a sensibilidade e percepção, criando novas ideias e padrões imaginativos, deixando fluir a construção de uma imagem mental que um colorido ao mundo interno do seu ser.

Toda criatividade é uma expressão do pensamento, que cria a própria realidade, pois a criança transforma sua imagem do real naquilo que ela deseja e necessita no seu momento presente. A realidade transformada tem experiência de sua criação e que é única para ela, é a realidade de sua fantasia.

arte_contador_historias

O pensamento mágico da criança lhe possibilita minimizar o sofrimento psíquico enfrentado em situações de conflito, angústia, estresse, perda, doença e outros, utilizando em sua conversa interior, válvulas de escape, na busca de satisfação e prazer que tornem a sua realidade de vida suportável e confortável. A criança logo aprende brincando com as músicas, as artes, jogos e brinquedos, um caminho mais fácil e suave para ser feliz.

Os contos de fada são histórias expressas numa linguagem simbólica e metafórica, cuja essência é a magia e o encantamento com personagens heroicos e fortes, capazes de vencer qualquer desafio e enfrentar o mal, sem medo. Por isso, os contos de fadas tem sido um instrumento utilizado na prática educativa e clinica, contribuindo no desenvolvimento da criança, transformando valores, auxiliando na construção de ideias e criatividade, a partir da liberdade de expressão. Ao identificar-se com o personagem uma história, a criança aprende a lidar de maneira criativa com dormir (sonhos pesadelos), o alimentar-se de maneira mais saudável, o adoecer (enfermidades em geral), problemas enfrentados na família e na escola, e muitos outros conteúdos vivenciais que surgem em sua rotina. Ampliando dessa forma, a consciência de seus pensamentos e sentimentos diante das experiências vividas, pois é na reflexão e na troca de ideias sobre os acontecimentos reais e imaginários que a criança constrói a compreensão e a percepção de si mesma, estabelecendo um novo significado de vida melhorando a comunicação, os vínculos afetivos e a socialização.

Os contos de fada tem sido um recurso terapêutico muito importante na intervenção com crianças, ao possibilitar a expressão de suas angustias e conflitos internos, através da brincadeira entre a fantasia e a realidade, utilizando objetos, jogos e atividades que favoreçam a introspecção e projeção, interligando o consciente ao inconsciente, e promovendo mudanças comportamentais, com atitudes mais saudáveis nas suas relações interpessoais. Assim, o deixar fluir o mundo imaginário da criança, o seu potencial criativo.

Desperta como algo mágico com uma beleza única de expressão, como um artista que descobre o mundo das cores, formas e texturas. Utilizando-se de seus sentidos a criança encontra o significado das coisas que lhe cercam e cria um mundo de fabulas encantadas, o famoso mundo do faz de conta.

A criatividade é uma habilidade que pode ser desenvolvida. As histórias e exemplos são utilizados para facilitar a aprendizagem e desenvolve a memória. Desenvolva você também! A Supere Psicologia está sempre do seu lado.

Silvana Maria Milet

silvanamilet@hotmail.com

Psicóloga Clinica e Escolar

Psicoterapeuta Cognitivo Comportamental

Sem Comentários


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*